Bolachas de Citrinos


Projecto Felicidário: Carolina Celas
Ingredientes:
  • 100gr de manteiga em temperatura ambiente;
  • 225gr de açúcar;
  • 2 ovos;
  • 450gr de farinha de trigo;
  • 1/2 colher de chá de fermento em pó;
  • 1 pitada de sal; e,
  • raspa e sumo de 1 limão ou laranja.
Misture a manteiga e o açúcar, com a batedeira, até ficar uma mistura fofa. Adicionar os ovos. Peneirar a farinha, adicionar o sal e o fermento em pó Adicionar ao preparado lentamente, com a batedeira em velocidade baixa, intercalando com a raspa e o sumo de limão/laranja.
foi aqui que tive de adicionar mais
Formar uma bola da massa, colocar num recipiente, por exemplo um tupperware, e levar ao frigorífico durante uma hora.
Estender a massa com o rolo, sobre uma superfície polvilhada com farinha, cortar as bolachas com formas. Colocar num tabuleiro, forrado com papel vegetal, colocar no forno pré aquecido a 180ºC, durante cerca de 10 minutos, até as extremidades começarem a ficar douradas.
Colocar sobre uma superfície e deixar arrefecer.
As bolachas podem ser guardadas num local seco, fechadas num recipiente hermético.

Um guia simples para desfrutar a culinária

por Joshua Becker
"... Ninguém nasce um grande cozinheiro, aprende-se fazendo." - Julia Child


Desde a descoberta minimalismo, a minha vida mudou significativamente. O processo de promoção dos valores e remover distrações forçou uma nova intencionalidade na vida. Como resultado, muitos dos meus hábitos mudaram. Gasto dinheiro de forma diferente. Passo o tempo de forma mais eficiente. Faço mais exercicio mais. Acordo cedo.


Além disso, curiosamente, eu aprendi a gosta de cozinhar. Eu não fui formalmente treinado. Eu não sou um chef. Na verdade, eu nem sei se eu sou o melhor cozinheiro da minha própria família. Mas eu aprendi recentemente para desfrutar plenamente o processo de preparação de uma refeição para a minha família. Encontro uma grande alegria na culinária, muito mais do que antes. E quando eu olhar para trás, esta mudança de vida específica, posso atribuir diretamente essa mudança a uma série de passos específicos que tomei. Talvez você possa acha-los úteis também. 
Um guia simples para desfrutar da culinária.

1 . Limpar os balcões de cozinha. A bancada da cozinha limpa e organizada é refrescante. Ela comunica calma e ordem. Ela economiza tempo e promove a limpeza. Incentiva oportunidade e possibilidade. Um contador claro proporciona o espaço necessário na sua cozinha, e na sua mente, para começar a cozinhar. Limpe sua tela.

2. Cozinhe comida saudável. Há uma satisfação agradável que vem de preparar alimentos saudáveis ​​para você e sua família. A sua importância no processo não pode ser exagerada. Ela fornece motivação e incentivo valioso para cozinhar as suas próprias refeições. E os benefícios positivos de cozinhar uma refeição saudável estendem-se muito além da mesa de jantar .

3. Use ingredientes frescos. Entre as mudanças que fiz na minha vida para estimular o meu amor por cozinhar, nada pode ser mais importante do que a decisão de começar a utilizar ingredientes frescos sempre que possível. Quando comecei a substituição especiarias secas por ingredientes frescos (cebola, alho, salsa, manjericão, limas, limões), o sabor das minhas refeições melhorou dramaticamente. Assim como a minha confiança e prazer.

4 . Possuia uma faca afiada. Aprenda a usá-la. Eu não tenho utensílios dispendiosos, nunca tive. Na verdade, eu continuo a usar as panelas que recebemos como presente de casamento há 14 anos. Mas quando comecei a cozinhar regularmente, eu comprei uma boa faca Santoku e nunca me arrependi da compra. Vamos utilizá-la quase todos os dias para cortar, fatiar e picar. E uma vez que você aprender a usá-la corretamente, preparar refeições torna-se muito mais fácil e agradável.

5. Comece com alimentos/receitas que você gosta. O primeiro livro que eu já usei foi Top Secret
Restaurant Recipes. Eu já estava familiarizado com muitos dos pratos e sabia quais eu gostava. Comecei por preparar as refeições de que mais gostava. Incorporei a mesma filosofia para cozinhar todos os meus novos pratos em casa. Eu gosto de comida mexicana, então procurar receitas de comida mexicana. Ultimamente, tenho vindo a explorar comida tailandesa (outro favorito) e experimentar novas receitas. A Internet está cheia de simples e fácil de seguir receitas. Procurar os alimentos que você sabe que você gosta, encontre uma fonte de receita confiável, e leia a seção de comentários para pensamentos e idéias adicionais.
 
6. Seja confiante. Você pode fazer isso. Caminhe até à tábua de corte, o forno ou o fogão com plena confiança em suas habilidades. Um espírito ansioso não gosta de criar. E, infelizmente, um espírito ansioso raramente consegue. Para gosta de cozinhar, você precisa se ​​convencer de que você é capaz de fazê-lo. Eventualmente, uma deliciosa refeição e um sorriso correspondente de seus convidados de mesa irá fazer o truque. Mas antes mesmo de o fazer, acredite em si mesmo. Comece a andar na sua cozinha (e mercearia), como se você soubesse o que está a fazer... e, em pouco tempo, você vai, realmente. Você ainda vai cometer erros, mas tudo bem. Apenas lembre-se, o maior erro que você pode fazer é não acreditar em si mesmo.


7. Valor apresentação. Existe um velho ditado entre chefs que diz assim : "Nós comemos com os olhos pela primeira vez." A pesquisa e a experiência validam as suas reivindicações. Alimentos que parecem ser bons é mais provável que tenham bom gosto. Alguns estudos parecem indicar que absorvemos mais nutrientes dos alimentos que são visualmente atraentes. Tire algum tempo extra para servir a sua comida numa apresentação visualmente atraente, mesmo se você estiver a comer sozinho. Você sempre vai disfrutar mais.


8. Aprecie a refeição. Esteja consciente da limpeza. Se você tem uma família, criar o espaço e a cultura, em sua casa, que preza os valores das refeições em conjunto. Para muitas famílias, isso não é possível em todas as refeições, mas isso não significa que
não crie espaço para algumas refeições familiares em conjunto. Pode ser necessário estabelecer uma certa margem ou ser criativo, mas quanto mais tempo passamos juntos ao redor da mesa de jantar, melhor. Apreciar a importância de sentar-se tempo suficiente para apreciar a sua comida. E, do mesmo modo, aprender a apreciar o ato de limpar depois. Ele não tem que ser visto como uma tarefa se o abordar com a mentalidade certa.

9. Grave suas receitas favoritas. Eu armazeno numa pequena caixa de cartão preta de índice, acima do fogão na cozinha. Dentro, eu mantenho todas as receitas de sucesso que eu descobri ao longo dos anos. É um sistema simples que funciona para mim. E tem sido um passo importante para aumentar o meu prazer de cozinhar, porque o verdadeiro valor da caixa preta é que eu tenho uma grande variedade de receitas, favoritas da família, diretamente na ponta dos dedos...


... E se a minha família encontra alegria na refeição na mesa, eu encontro alegria em prepará-la".

Panquecas ao estilo EUA



Maravilhosamente fofas e espessas

Ingredientes

  • 3 ovos de galinhas criadas ao ar livre
  • 115 g farinha
  • 1 colher de chá bem cheia de fermento-em-pó
  • 140 ml leite
  • 1 pitada de sal




Estas panquecas americanas são incríveis com frutas, natas, banana, xarope de Ácer, etc

4
20m
Muito fácil

Metodo

Estas panquecas americanas são ótimas! Em vez de serem finas e sedosas como crepes franceses, elas são maravilhosamente macias e espessas e pode ser feitas, até à perfeição, de imediato. Simples, simples, simples.

Primeiro separar os ovos, colocando as claras numa tigela e as gemas noutra. Adicione a farinha, o fermento e o leite às gemas e misture com um batedor, até obter uma mistura de espessura lisa. Bata as claras com o sal até formar picos firmes. Misture as claras em castelo na massa - que agora está pronta para usar.

Aqueça uma boa frigideira antiaderente em fogo médio. Despeje um pouco de sua massa na frigideira e frite por alguns minutos até que começar a ficar dourada e firme. Neste ponto, pode acrescentar o ingrediente extra para o lado cru antes de soltar com uma espátula e virar a panqueca. Continue fritando até que ambos os lados estejam dourados.

Você pode fazer essas panquecas grandes ou pequenas, a seu gosto. Você pode servi-las simplesmente mergulhado em xarope de Ácer, ou com um pouco de manteiga ou natas. Ou, se você optar por um ingrediente extraa, tente um destes:
milho fresco,
mirtilos,banana, maçã ralada/às fatias,chocolate ralado,qualquer outra coisa que você pode imaginar...
PS - Panquecas de mirtilo (acima) são óptimas, mas você deve experimentar as panquecas de milho. Com uma condição - você deve usar milho fresco. Para fazer isso, retire as folhas exteriores e corte cuidadosamente uma faca de milho - este vai soltar todos os grãos de milho - e polvilhe dessas matérias sobre sua panqueca, antes de virá-lo na panela. Eu gostaria de ter um pouco de bacon grelhado sobre minhas panquecas de milho, regadas com um pouco de xarope de Ácer. Isso soa horrível mas sinceramente gosto muito!
Informação Nutricional. Quantidade por porção


Usos Criativos para Queijo Cottage

Abóbora recheada

Recheie a abóbora com cebolas refogadas e cogumelos, pão ralado integral, ovos e queijo cottage. Após gratinar, acompanhe com rúcula ou salsa e alecrim fresco.






Batatas recheadas

Asse batatas, recheando com queijo cottage e cebolinho. Polvilhe um pouco de queijo Cheddar ralado, se você preferir.





Aperitivos

Bata o queijo cottage até que esteja macio, em seguida, adicione pimenta preta e ervas. Espalhe em torradas de pão integral e cubra com uma fatia de tomate ou pepino para um aperitivo rápido.





Em substituição de óleo

Use queijo cottage em substituição de óleo em pastelaria. Experimente em pão, muffins e outros artigos de pastelaria.





Fonte e imagens: http://www.sparkpeople.com/resource/slideshow.asp?show=89

Adorável harissa de rosas e tomate

Ter um frasco deste no seu frigorífico é brilhante. Minha maneira favorita de comer é com peixes oleosos, como cavala ou sardinha. As pétalas de rosas são delicadas e perfumadas, e equilibram bem o calor do piri-piri. Você pode muito bem comer qualquer jardim de rosas, apenas certifique-se que não foram pulverizadas com pesticidas. Se você pode encontrar algumas rosas, com aroma, você vai notar a sua fragrância surgirá através da harissa.

Informação Nutricional - por dose:
  • Calorias 73kcal
  • Hidratos de carbono 8.5g
  • Açúcar 8.0g
  • Gordura 3.7g
  • Gorduras saturadas 0.5g
  •   Proteínas0.9g

Serve 10

Ingredientes

  • 350 g tomates maduros, cortados ao meio
  • 200 g de piri-piri fresco
  • 4 dentes de alho, descascados
  • azeite
  • sal
  • pimenta preta recentemente moída
  • 2 colheres (sopa) de sementes de cuminhos
  • 1 colher (chá) de sementes de coentros
  • 1 colher (chá) de colorau
  • 1 mão-cheia de pétalas de rosa, lavadas
  • 3 colheres (sopa) de água de rosas
  • 2 colheres (sopa)de açúcar
  • 1 pitada de vinagre tinto
  • 1 colheres (sopa) de azeite extra-virgem

Preparação

Embora você poderia cortar tudo isso à mão, vai levar um tempo, sugiro usar um processador de alimentos. No entanto, se você pode fazer com as mãos, desde que use um par de luvas de borracha para proteger você do piri-piri que, como seus sucos, pode irritar a pele.

Pré-aqueça o forno a 150 ° C. Espalhe os tomates (virados para cima), piri-piris e dentes de alho numa grande assadeira, regue com azeite e tempere. Coloque no forno e asse por 1 hora, dando a bandeja uma sacudidela algumas vezes durante o cozimento.

Depois de uma hora, retire o tabuleiro do forno e deixe esfriar. Uma vez que os piri-piris estão frios o suficiente para lhes tocar, coloque umas luvas de borracha, retire os talos e retire as sementes. Você pode fazer isso com água corrente, pois ajuda com a lavagem das sementes. Descasque os dentes de alho e coloque no processador de alimentos com o piri-piri. Pulse até picado, em seguida, adicione o cominho, coentro e colorau, tempere bem com sal e pimenta e pulse novamente.

Em seguida, adicione os tomates, pétalas de rosas, água de rosas e açúcar, e pulse até obter uma pasta robusta, com lindas manchas de tomate e pétalas de rosa.

Transfira a massa para uma tigela e misture um pouco de vinagre de vinho tinto e azeite extra-virgem. Você deve ter uma bela pasta avermelhada. Prove - você quer um bom equilíbrio entre o calor do piri-piri, o colorau, a nitidez do vinagre e as pétalas de rosas perfumadas. Tempere de novo e adicione outro toque de vinagre, se necessário. Quando estiver satisfeito com o gosto coloque, com uma colher, num frasco esterilizado e mantenha na geladeira até um mês

'Full of veg' tomato sauce

"This is a great sauce to have up your sleeve. When it's made properly it will have a lovely, sweet flavour just like tomatoes. After your children get used to eating it, you can whiz the vegetables up a bit less each time until, eventually, you won't have to whiz it at all. This recipe makes quite a big batch. I tend to make loads at one time, let it cool completely, then bag it up and freeze it.
Nutritional Information - Amount per serving:
  • Calories 193kcal
  • Carbs 25.6g
  • Sugar 19.7g
  • Fat 5.3g
  • Saturates 0.8g
  • Protein 6.5g

Serves 6

Ingredients

  • olive oil
  • 2 small onions, peeled and chopped
  • 1 small leek, chopped and washed
  • 2 sticks celery, trimmed and chopped
  • 2 red peppers, chopped
  • 2 courgettes, grated
  • 2 carrots, grated
  • 1 large pinch dried oregano
  • 2 bay leaves
  • 4 x 400 g tinned plum tomatoes
  • 1 small butternut squash, peeled and seeds removed, grated
  • sea salt
  • freshly ground black pepper

Method

Heat a large saucepan (big enough to hold all the ingredients) over a medium heat. Pour in a good lug of oil then add the onions, leek, celery, peppers, courgettes, carrots and herbs. Cook the whole lot slowly for about 20 minutes with the lid on, until all the vegetables are nice and soft but without any colour at all.

Add the tomatoes, squash, 500ml (17½fl oz) of water and a pinch of salt and pepper to the vegetables. Bring to the boil and simmer gently for about 30 minutes until the squash is soft.

Fish out the bay leaves and allow the sauce to cool slightly before blitzing with a hand-held blender until nice and smooth. Have a taste and season with a little more salt and pepper if needed".

Bruschetta with tomato & basil

"A bruschetta is a kind of open sandwich and it's probably where the idea for cheese on toast originally came from. It's normally made from a large loaf of sourdough natural yeast bread, which is a dark grey colour and has a higher water content than usual in the dough. It also has a thick crust and, because of this, moisture is retained in the bread, meaning it can be used up to a week after purchasing. Have a look round a farmers' market or in a good supermarket and you should be able to find some. If you can't, a good-quality round cottage-style loaf will give you good results.
Nutritional Information - Amount per serving:
  • Calories 189kcal
  • Carbs 18.4g
  • Sugar 1.9g
  • Fat 10.8g
  • Saturates 1.6g
  • Protein 3.7g

Serves 6

Ingredients

  • 2 handfuls nice mixed ripe tomatoes
  • 1 small bunch fresh basil, leaves picked
  • sea salt
  • freshly ground black pepper
  • olive oil
  • good-quality white wine or herb vinegar

Method

The bread is best sliced 1cm thick and toasted on a barbecue, but it can also be done in a griddle pan for ease at home. After that it should be lightly rubbed a couple of times with a cut clove of garlic, then drizzled with some good extra virgin olive oil and sprinkled with salt and pepper. The toppings can be as humble or as luxurious as you like, from chopped herbs or a squashed tomato with basil, to marinated vegetables or beautiful cheeses, to lovely flaked crabmeat. The only rule is that whatever goes on top of a bruschetta should be nice and fresh and cooked with care.
Make sure your tomatoes are really ripe when making this topping. Give them a wash, remove their cores and carefully squeeze out the seeds. Place in a bowl, tear in the basil, season with salt and pepper, then toss with a good glug of olive oil and a good swig of vinegar to balance the flavours to your taste. You can serve the tomatoes either chunky or finely chopped, or you can scrunch them between your fingers before putting them on your basic bruschette – really tasty".

Salada de Courgetes de Michela Chiappa

PFotografia: Jamie Oliver Ltd
Serve 4-6

Ingredientes

  • 4 courgetes
  • 1–2 piri-piris frescos
  • 1 limão
  • azeite
  • ½ colher (chá) de mostarda em pó
  • sal
  • algumas folhas de manjericão

Preparação

Usando um descascador, corte as courgetes longitudinalmente em tiras longas e finas. Em seguida, pique finamente o piri-piri e adicione com as courgetes numa tigela.

Num pequeno jarro, coloque o sumo de limão e cubra com o dobro da quantidade de azeite extra virgem. Adicione a mostarda em pó e uma pitada de sal, misture bem e despeje sobre a salada. Envolva os ingredientes, em seguida, espalhe as folhas de manjericão e sirva imediatamente.


Informação Nutricional - por dose:

  • Calorias 165kcal
  • Hidratos de carbono 3.8g
  • Açúcares 3.6g
  • Gordura 14.5g
  • Gordura saturada 2.2g
  • Proteínas 3.7g


Fonte e imagem: http://www.jamieoliver.com/recipes/vegetables-recipes/michela-chiappa-s-zucchini-salad

Potatoes, mozzarella, rosemary, thyme & tomato pizza topping

"Makes enough for 1 pizza

Ingredients

  • 6 tablespoons tomato sauce
  • 4 new potatoes, cooked
  • 1 small handful fresh rosemary leaves
  • 1 teaspoon thyme tips
  • extra virgin olive oil
  • lemon juice
  • salt
  • freshly ground black pepper
  • 50 g mozzarella

Method

Recipe for pizza dough and tomato sauce can be found here.

Smear the tomato sauce evenly over the pizza base. Slice the potatoes into 0.5cm/¼ inch thick slices and toss in a bowl with the rosemary, thyme, a good lug of olive oil, a small squeeze of lemon juice and a pinch of salt and pepper. Scatter them over the pizza base and put small torn-up pieces of mozzarella into the gaps. Cook until crisp and golden.

  • Calories 544kcal
  • Carbs 38.0g
  • Sugar 6.5g
  • Fat 35.8g
  • Saturates 11.6g
  • Protein 15.1g".


Fonte e imagem: http://www.jamieoliver.com/recipes/bread-recipes/potatoes-mozzarella-rosemary-thyme-and-tomato-pizza-topping

A beautiful sorrel risotto with crumbled goat's cheese


"The sorrel is flash-cooked here, then stirred though right at the end of cooking. This gives the risotto a vibrant green colour and a really fresh taste. I think goat's cheese adds a beautiful creaminess, so I've roasted some here. Crumble it over the risotto when you serve it – it balances the flavours beautifully.
Nutritional Information - Amount per serving:
  • Calories 525kcal
  • Carbs 72.3g
  • Sugar 6.3g
  • Fat 13.7g
  • Saturates 6.6g
  • Protein 17.8g
Serves 8

Ingredients

  • 2 litres organic vegetable or chicken stock
  • olive oil
  • 1 large onion, peeled and finely chopped
  • 3 sticks celery, trimmed and finely chopped
  • 600 g risotto rice
  • 250 ml vermouth or dry white wine
  • 1 goat's cheese, approximately 100g
  • 1 teaspoon fennel seeds
  • 1 dried red chilli
  • 2 tablespoons butter
  • 1 clove garlic, peeled and chopped
  • 1 whole nutmeg
  • 300 g sorrel, washed and dried
  • sea salt
  • freshly ground black pepper
  • 1-2 handfuls Parmesan cheese, freshly grated, plus extra for serving
  • ½ lemon
  • extra virgin olive oil

Method

Preheat the oven to 200ºC/400ºF/gas 6. Bring the stock to a simmer in a saucepan and keep warm. In a separate large pan, add a splash of olive oil, the onion and celery, and cook gently for about 15 minutes until softened. Add the rice and turn up the heat a bit. Keep stirring to stop it catching. After a minute or two, pour in the vermouth or wine and stir constantly until the alcohol has evaporated, leaving the rice with a lovely perfume.

Turn down the heat and add a ladleful of warm stock. Keep stirring until the rice has fully absorbed the stock, then add another ladleful. Continue to add the stock, one ladleful at a time, until it's all absorbed. This should take about 15 minutes and give you rice that is beginning to soften but is still al dente.

Meanwhile, pop the goat's cheese onto a roasting tray, sprinkle over the fennel seeds and red chilli, and place in the oven for 10 minutes. Next, heat a deep saucepan on a medium heat, then add 1 tablespoon of butter, a splash of olive oil, the garlic and a good grating of nutmeg. Once the butter has melted, add the sorrel and cook for about 2 minutes, moving it around until it's just wilted down. Take the pan off the heat, let the sorrel cool slightly, then chop it finely and season to taste.

Take the pan of rice off the heat, add the chopped sorrel and beat in the remaining butter and grated Parmesan. Add a good squeeze of lemon juice, then check the seasoning and add a little salt and pepper if needed. Pop a lid on the pan and leave the risotto to rest for a minute, while you remove the goat's cheese from the oven.

Dish up your risotto, grate a little lemon zest over the top, drizzle with a little extra virgin olive oil, and top with another grating of Parmesan. Serve with the lovely roasted goat's cheese on the side for everyone to crumble over the top".

Aubergine lasagne

Fotografia: David Loftus
"I recently ate a similar dish at a wedding in Italy, where it was cooked in a large, shallow dish. It has the same vibe as a Greek moussaka, but uses pasta rather than potatoes in the layering, making it more of a lasagne bake. The fresh sheets you can buy in supermarkets are very good and well worth using.
Nutritional Information - Amount per serving:
  • Calories 385kcal
  • Carbs 20.8g
  • Sugar 1.8g
  • Fat 25.2g
  • Saturates 9.4g
  • Protein 15.5g

Serves 6

Ingredients

  • 3 aubergines
  • 3 cloves garlic, peeled and sliced
  • a few sprigs fresh thyme, leaves picked
  • 1 dried red chilli, crumbled
  • 6 tablespoons extra virgin olive oil
  • 2x400 g organic tinned plum tomatoes
  • 1 splash balsamic vinegar
  • 1 bunch fresh basil, leaves picked and stalks chopped
  • 150 g Cheddar cheese, grated
  • 2 handfuls Parmesan cheese, grated
  • 6-8 fresh lasagne sheets

Method

Preheat the oven to 200°C/400ºF/gas 6. Steam the whole aubergines over a pan of simmering water for 30 minutes, then scoop out the flesh and cut it up roughly. Slowly fry the aubergine, garlic, thyme and chilli in the olive oil for around 10 minutes.

Add the tins of tomatoes, chopping them up roughly with a wooden spoon, then add the balsamic vinegar and most of the basil leaves. Bring to the boil and simmer for around 10 minutes until the sauce has reduced and thickened.

Spread a layer of aubergine sauce in a large, shallow dish. Sprinkle over some Cheddar and a handful of Parmesan, then spread over a layer of lasagne sheets. Repeat once or twice more, until your dish is full. Finish with a final sprinkling of Parmesan, a scattering of basil leaves and a drizzle of olive oil.

Place in the oven for 25 to 30 minutes until bubbling and golden".

'Abundance' tomato soup with basil oil

Fotografia: David Loftus
"If your tomato plants are groaning under the weight of all their ripe fruit, or even if you've just got some over-ripe tomatoes to use up, then this is a great soup to have up your sleeve. As long as your tomatoes are really ripe you'll end up with a wonderfully sweet soup no matter what type of tomatoes you've used. The basil oil is also great for drizzling over salads, pastas or pizzas so if you want to keep it for a couple of weeks, just strain it through a sieve and store it in a sterile jar.
Nutritional Information - Amount per serving:
  • Calories 374kcal
  • Carbs 10.8g
  • Sugar 10.4g
  • Fat 34.7g
  • Saturates 5.1g
  • Protein 2.6g

Ingredients

  • For the basil oil

  • large bunch fresh basil, leaves picked, stalks finely chopped
  • sea salt
  • 200 ml extra virgin olive oil
  • For the soup

  • olive oil
  • 2 cloves garlic, peeled and sliced
  • 2 kg mixed tomatoes, very ripe
  • good-quality red wine vinegar

Method

To make the basil oil, put a few of the basil leaves in a bowl of cold water for later, then place the rest in a mortar. Add a pinch of salt and use a pestle to bash the basil leaves until they have broken down into a dark green paste. Transfer the paste to a jug and add your extra virgin olive oil. Mix together well.

To make the soup, add a lug of olive oil to your biggest pan over a medium heat. Add the basil stalks to the pan with the sliced garlic. Fry for about a minute then add all the tomatoes. Stir in 150ml of water and bring to the boil. Reduce to a medium heat and let the tomatoes cook for 5 minutes until they are slightly broken down. If your tomatoes are nice and ripe they'll be naturally sweet and soft, which means you won't need to cook the soup for too long.

Remove the soup from the heat, add a splash of red wine vinegar then carefully blitz with a hand blender until you get a consistency that's to your liking.

Serve in warm bowls with a spoonful of bright green basil oil swirled on top and sprinkled with the reserved basil leaves. You can even eat any leftovers cold from the fridge for a really fresh, light soup".

Fonte e imagem: http://www.jamieoliver.com/recipes/vegetables-recipes/-abundance-tomato-soup-with-basil-oil

Sweet leek, ricotta & tomato lasagne

Fotografia: Andrew Burton
"You can either make this lasagne in 6 individual ovenproof dishes or in 1 large 3-litre ovenproof one. Alternatively, assemble it in 6 individual foil containers, cover with the lids and freeze for up to 3 months. Defrost thoroughly and cook as per the recipe.
 
Nutritional Information - Amount per serving:
  • Calories 371kcal
  • Carbs 31.1g
  • Sugar 7.5g
  • Fat 16.6g
  • Saturates 9.8g
  • Protein 20.6g

Serves 6

Ingredients

  • olive oil
  • 4 leeks, thinly sliced
  • 2 red onions, thinly sliced
  • 250 g spinach, washed and chopped
  • 350 g good-quality ricotta
  • 1 litre base tomato sauce
  • 1 packet lasagne sheets, wholewheat if you can find them
  • 125 g mozzarella ball
  • 75 g fresh Parmesan, grated
  • sea salt
  • freshly ground black pepper

Method

Preheat your oven to 180ºC/350ºF/gas 4. Heat a large saucepan and add a splash of olive oil. Add the leeks and sliced red onions, and sweat, slowly, until soft – about 10 minutes. Add the chopped spinach and briefly cook until wilted down. Set aside to cool slightly, then drain off any excess liquid in the pan.

Mix the ricotta into the leek and onion mixture and season with a tiny pinch of salt and pepper.

Spoon a quarter of the base tomato sauce into the bottom of 6 individual ovenproof dishes, or into a 3-litre ovenproof dish. Cover with sheets of lasagne. Spread half the leek and ricotta mixture over the lasagne, then add a third of the remaining tomato sauce. Repeat with more lasagne sheets, the remaining leek and ricotta mixture and then half the remaining tomato sauce. Finish with a final layer of lasagne sheets, then spread the rest of the tomato sauce over the top.

Tear the mozzarella into small pieces and dot over the top of the lasagne. Sprinkle with the Parmesan. Place on a baking sheet and bake the individual lasagnes for 25–30 minutes or the large one for 45 minutes – they need to be cooked through and golden brown on top".

Korma vegetariana, Pilau simulado de couve-flor

Fotografia: David Loftus
"Eu sempre fico muito animado quando eu posso criar enormes, deliciosos sabores em caris sem o uso de qualquer tipo de carne, e, além de ser bom para você, é bom para a sua carteira também. Para misturar um pouco as coisas, em vez de usar o arroz eu cozinho couve-flor de tal maneira que parece, sabe e age como o arroz - é realmente delicioso. Tente esta receita saborosa e eu prometo, até mesmo seus mais carnívoros de todos os companheiros será feliz.

Informação Nutritional - por dose:
  • Calorias 334kcal
  • Hidratos de carbono  48.7g
  • Açúcar 13.6g
  • Gordura 7.9g
  • Gorduras saturadas 1.1g
  • Proteínas 13.6g

Serves 4

Ingredientes

  • 1 colher (sopa) de amêndoas laminadas
  • 2 batatas doces grandes
  • azeite
  • 1 cebola roxa 
  • 2 dentes de alho
  • 1 pedaço de gengibre com o tamanho de um polegar
  • meio molho de coentros (15g)
  • 1/2-1 piri-piri fresco (opcional)
  • 1 mão cheia de folhas de caril
  • 1 colher (sopa) de pasta de caril tipo korma
  • 400 g de grão-de-bico
  • 1 couve-flor grande
  • 1/2-1 limão
  • 50 g queijo feta, (opcional)
  • 4 colheres (sopa) de iogurte natural magro (sem açúcar)

Preparação

Comece por torrar as amêndoas numa grande panela até ficarem levemente douradas, reserve. Esfregue as batatas doces até estarem limpas, em seguida, descasque e corte em pedaços de 4 centímetros e coloque-as na panela em fogo médio com um fio de azeite. Frite por cerca de 5 minutos, ou até dourar, enquanto você descascar a cebola, alho e gengibre, em seguida, finamente cortá-los com os talos de coentro e piri-piri (se estiver usando). Adicione as folhas de caril na panela e mexa por 1 minuto, em seguida, adicione todos os vegetais cortados com a pasta de caril e cozinhe por mais 5 a 1 0 minutos, ou até a cebola ter amolecido, mexendo ocasionalmente. Adicione o grão de bico com 600ml de água a ferver, trazer tudo à fervura. Reduza para ferver e cozinhe por cerca de 30 minutos, ou até engrossar.

Enquanto isso, lave a couve-flor, corte finamente o caule e adicione ao caril para cozer. Corte as florzinhas em pedaços do mesmo tamanho, até que esteja da mesma textura e tamanho como o arroz. Espalhe num prato para microondas e cubra.
Um pouco antes de servir, coza ao vapor ou no microondas, em potência alta durante 7 minutos, até estar cozida.

Adicionar o sumo de limão no caril, em seguida desintegre o queijo feta (se estiver usando). Espalhe o iogurte sobre o caril e mexa (ou sirva à parte), em seguida, polvilhe com as folhas de coentro e as amêndoas torradas. Espalhe a couve-flor para uma bela travessa e sirva-se
".

Gorgeous Greek salad

Fotografia: David Loftus
"Nutritional Information - Amount per serving:
  • Calories 220kcal
  • Carbs 9.8g
  • Sugar 8.2g
  • Fat 14.5g
  • Saturates 7.5g
  • Protein 10.1g


Serves 4-6

Ingredients

  • 1 cucumber
  • 4 tomatoes, on the vine
  • 1 green pepper
  • 6 black olives (stone in)
  • 1 red onion, peeled
  • extra virgin olive oil
  • freshly ground black pepper
  • red wine vinegar
  • 1 lemon
  • 200 g feta cheese
  • 1 few sprigs of flowering oregano
  • 1 small bunch of fresh mint

Method

Scratch a fork down the sides of the cucumber so it leaves deep grooves in the skin, then chop into erratic slices at an angle. Roughly chop the tomatoes, deseed and slice the pepper lengthways and add to a salad bowl with the chopped veg.

Destone the olives and tear into the bowl. Halve and finely slice the red onion (you can also try shaving it with a speed peeler), then add to the bowl along with a good drizzle of extra virgin olive oil, a good pinch of black pepper and a splash of red wine vinegar.

Toss everything together, then add a good squeeze of lemon juice. Break the feta in half and place on top, add a scattering of flowering oregano, drizzle over a little more extra virgin olive oil and pick over the mint leaves".

Fonte e imagem: http://www.jamieoliver.com/recipes/vegetables-recipes/gorgeous-greek-salad